v. 35 n. 1 (2022): Perspectivas em humanidades digitais

PUBLICAÇÃO CONTÍNUA

Atualmente, é possível perceber um crescente interesse pelas humanidades digitais no Brasil. Os diversos usos de métodos digitais aplicados à resolução de questões humanistas é um caminho sem retorno, ao passo que nossa sociedade e seus respectivos fenômenos sociais, políticos, culturais, socioeconômicos, identitários, de gênero, antropológicos, entre tantos outros, são cada vez mais mediados pelo digital e, assim, marcam uma era própria.

Este dossiê traz artigos originais cujo diálogo inter e transdisciplinar se faz presente, tendo as humanidades digitais como principal foco, em articulação com a arquivologia e com a ciência da informação. Tem como editores convidados Ricardo M. Pimenta, doutor em Memória Social pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio), pesquisador do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict) e professor do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação do convênio Ibict/Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); e Moisés Rockembach, doutor em Informação e Comunicação em Plataformas Digitais pela Universidade do Porto/Universidade de Aveiro (Portugal), professor do Departamento de Ciências da Informação e dos programas de Pós-Graduação em Ciência da Informação e em Comunicação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).